sexta-feira , 7 de maio de 2021

Mountain Bike

O Ciclismo Mountain Bike criado na Califórnia, Estados Unidos, por um grupo de jovens que buscavam aventura e adrenalina, moldaram as provas realizadas no asfalto para as estradas de terra montanhosas com terrenos irregulares.

Foi na década de 1970, que o norte americano Tom Ritchey e seus amigos Jobst Brandt e Gary Fisher, adaptaram as bicicletas do ciclismo de estrada para pistas acidentadas como, por exemplo, reformularam o câmbio e o quadro além de trocarem os freios e os pneus, e foram eles também que difundiram o esporte. Surgem então às primeiras corridas da modalidade Mountain Bike, as provas eram praticadas aos finais de semana no Monte em São Francisco, na Califórnia.

 

O primeiro campeonato nacional em solo norte americano ocorreu em 1983. E o primeiro torneio mundial, e que teve a participação de grandes potências europeias ocorreu em 1990, ele foi organizada pela União Ciclista Internacional.

 

O esporte se popularizou muito rápido e participou pela primeira vez de uma Olimpíada em 1996 em Atlanta nos Estados Unidos, atualmente existem torneios pelo mundo todo.  As principais diferenças entre o Mountain Bike e o Ciclismo de Estrada resumem-se em:

 

Pneus mais grossos;

Amortecedores traseiros e dianteiros para diminuir o impacto da trilha;

Bicicletas com média de peso entre 8 kg a 9 kg;

Material é mais forte e resistente;

As pistas para a prática de mountain bike devem ter pelo menos 85% de elevações e declives e seu tamanho pode variar entre 4 e 6 quilômetros e os atletas tem de uma hora e meia a uma hora e quarenta e cinco minutos para completar a prova.

Por: blogeducacaofisica.com.br

 

CONTATO
ANTENADOS@ANTENADOS.COM.BR

(61) 98649-0522